Articles

Obtendo Indemnização por um Lesão de Tecido Macio

  • Sexta-feira, 01 de Maio de 2020

Se você ou outra pessoa da sua família sofreu recentemente uma lesão de tecido macio num acidente de carro ou num acidente de camião, poderá ter direito a receber uma indemnização sob a forma de indemnização por lesão de tecido macio.

Felizmente, demasiadas pessoas que são feridas como resultado da negligência de outra pessoa podem sofrer ferimentos críticos de tecidos moles que as seguem por muitos anos. A possibilidade de uma lesão nos tecidos moles pode ser a única oportunidade da vítima de tentar se recuperar e seguir em frente com sua vida.

O que são lesões nos tecidos moles?

As lesões nos tecidos moles em geral referem-se a lesões nos ligamentos, tendões e músculos em todo o corpo. Normalmente estas lesões nos tecidos moles são notadas pela instabilidade articular, inchaço, dor, fraqueza muscular, uma gama limitada de movimentos ou incapacidade de suportar peso.

Quais são as causas mais comuns de lesões nos tecidos moles?

Deslizamentos e quedas são algumas das causas mais comuns de lesões nos tecidos moles. No entanto, acidentes com veículos também podem levar a danos nos tecidos moles. Lesões em tecidos moles podem ser muito difíceis de documentar, tornando ainda mais importante manter os serviços de um advogado experiente e dedicado para ajudá-lo com sua reivindicação.

A visão da companhia de seguros sobre lesões em tecidos moles pode ser bem diferente da sua própria visão. Muitas seguradoras são cépticas em relação às reivindicações de lesões em tecidos moles e tentam baixar as ofertas de indemnização apresentadas a alguém que sofreu uma lesão significativa.

Qual é a média de indemnização que pode reclamar de um caso de lesão em tecidos moles?

A extensão das suas lesões determinará o tipo de indemnização que pode ter direito a recuperar. Depende também especificamente da sua província, uma vez que existem limites para os pedidos de indemnização por lesões em tecidos moles.

No Ontário, por exemplo, as lesões por acidentes de viação são categorizadas como catastróficas, não-cattróficas e menores. No total, cerca de 85% dos pedidos de indemnização apresentados foram para lesões menores. Esses ferimentos menores eram anteriormente limitados a $3.500, mas algumas vítimas feridas fizeram esforços para combater esse valor de indenização. Você normalmente pode esperar que a extensão de seus ferimentos de tecidos moles influenciará diretamente se você tem ou não um prêmio próximo a esse limite.

O que são algumas Diretrizes de Compensação de Ferimentos de Tecidos Moles para ter certeza de que eu obtenha a compensação que eu preciso?

A compensação para ferimentos de tecidos moles leves e de muito curto prazo será menor. Se houver uma lesão grave dos tecidos moles a longo prazo, ela pode ir mais alto, mas é claro, depende dos limites provinciais. Estas lesões são classificadas, e isto pode ter uma influência significativa na sua capacidade de recuperar a compensação.

O sistema de categorização é conhecido como a escala de desordem associada ao chicote que classifica de nível 1 a 4. O nível 4 inclui uma queixa de dor no pescoço e suspeita de luxação por fratura, por exemplo. Entretanto, pode ser extremamente subjetivo determinar onde suas lesões estão nessa categorização e, portanto, você pode precisar estar em posição de desafiar esses problemas.

Que evidências você precisa para provar seu caso de lesão de tecido mole?

Os seus registros médicos formarão o componente mais importante do seu caso de lesão de tecido mole. Você precisa estar preparado de que a seguradora provavelmente argumentará que seus ferimentos não são tão graves quanto você sustenta e ter registros médicos e declarações de posições que o trataram e que dizem o contrário podem ajudá-lo a reforçar o suporte.

Exemplos de casos de ferimentos em tecidos moles do passado Ganharam

Existiram casos bem sucedidos de ferimentos em tecidos moles quando o advogado certo de ferimentos em tecidos moles foi retido no início pela vítima ferida. Muitas vezes se resume ao valor dos registros médicos e se o advogado está ou não familiarizado com reclamações de lesões em tecidos moles.

Entre em contato hoje

Certifique-se de contratar um advogado profissional de danos em tecidos moles para garantir que você receba a indenização que merece. Estamos aqui para ajudá-lo a lutar por uma compensação quando você se machucou.

FAQ’s

Quanto tempo leva para se recuperar de uma lesão nos tecidos moles?

Pode levar de algumas semanas a anos para se recuperar de uma lesão nos tecidos moles. Aqueles que sofrem as lesões mais graves podem nunca recuperar totalmente.

O que você pode fazer por danos nos tecidos moles?

Você deve falar com seu médico sobre oportunidades de recuperação de uma lesão nos tecidos moles. Descanso, gelo, compressão e elevação podem ser úteis para lesões agudas nos tecidos moles, mas seu médico pode recomendar procedimentos mais envolvidos.

Pode ter lesões permanentes nos tecidos moles?

Pode ter lesões permanentes nos tecidos moles quando tiver sido envolvido em um acidente crítico, como um acidente de viação. É imperativo obter atenção médica o mais rápido possível se você tiver sido ferido em um acidente desse tipo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.