Articles

A história por trás de Sherlock Holmes

Cada ano, milhares de pessoas visitam um dos endereços mais famosos do mundo: 221b Baker Street, Londres. O endereço é famoso por estar onde o detetive fictício Sherlock Holmes viveu nas conhecidas histórias de Sir Arthur Conan Doyle.

Quer saber mais? Visite o nosso site para começar a aprender inglês online hoje!

Muitas pessoas estão de tal forma encantadas com as histórias que se esquecem que Sherlock Holmes não era uma pessoa real e, portanto, nunca chegou a viver no endereço. Na verdade, não havia nenhuma casa lá quando Conan Doyle escreveu as histórias. Apesar disso, o museu Sherlock Holmes, que na verdade está no número 239, é um lugar divertido para visitar se você estiver em Londres.

Então, se Sherlock Homes era um personagem inventado, por que tantas pessoas pensam nele como uma pessoa real?

Diz-se frequentemente que o personagem Sherlock Holmes era baseado em uma pessoa real chamada Benjamin Bell, um cirurgião forense para quem Conan Doyle trabalhava como balconista na enfermaria Edinburgh Royal. A capacidade de resolução de problemas de Sherlock Holmes e seus poderes de observação são baseados no cirurgião. Bell foi até chamado pela polícia para participar de várias investigações, assim como Sherlock Holmes fez.

Comece seu aprendizado de inglês online com o EF English Live. Inscreva-se hoje e ganhe um teste grátis por 14 dias! Quaisquer que sejam seus objetivos, nosso curso de inglês online garante seu sucesso.

Conan Doyle encontrou a inspiração para o nome de seu famoso detetive em outro lugar, no entanto. Ele era um jogador experiente de críquete e combinou os nomes de outros jogadores conhecidos, Shacklock e Sherwin, para fazer o nome ‘Sherlock’.

Outra coisa que faz o personagem parecer uma pessoa real são os seus hábitos distintivos. Ele raramente tomava café da manhã e tomava três cachimbos que gostava de fumar. Ele até tinha um hábito que hoje em dia seria ilegal – tomar cocaína! Não está claro qual desses hábitos Conan Doyle gostava, mas sendo um químico treinado, ele teria entendido os efeitos deles.

Sherlock Holmes também é um membro honorário da Royal Society of Chemistry. Embora ele não seja uma pessoa real, a sociedade decidiu fazer dele um companheiro. Embora seus famosos métodos para resolver mistérios tenham começado na ficção, muitos deles se tornaram parte do policiamento moderno.

Muito do que pensamos sobre o personagem não é dos livros originais. Os exemplos mais famosos são o chapéu que a maioria das pessoas pensa nele usando, que é um boné plano nos livros, mas um deerstalker na maioria das fotos e o fato de que ele nunca diz ‘Elementary, my dear Watson’ em nenhum dos livros.

Embora o personagem seja inventado a maioria dos locais são reais. Um dos pontos fortes de Conan Doyle como autor é descrever uma Londres que parece tão real para o leitor. Muito disso se deve ao seu conhecimento detalhado da cidade e à sua habilidade de observação conquistada. A maioria dos locais famosos nos livros estão em Londres e os fãs de Sherlock Homes adoram visitar os locais nos livros e aqueles usados mais tarde nos filmes.

Sherlock Holmes é o segundo personagem mais retratado nos filmes atrás de Drácula, o que faz parte do que o torna tão famoso em todo o mundo. Então, agora que você conhece a história por trás do personagem, qual é a sua versão favorita das histórias do Sherlock Holmes? Os livros, filmes ou séries de TV?

Se achou isto interessante, não se esqueça de ler sobre estas outras histórias que podem ajudá-lo a aprender inglês online.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.